Olhando para cima

Primeiro: o analema do Sol.

Chama-se analema ao “caminho” desenhado pela posição do Sol no vários dias do ano. Como sabe o torcicólogico leitor, o Sol não percorre o mesmo caminho diariamente, desde o nascente ao poente, já que a órbita da Terra em torno do Astro-Rei é elíptica e de velocidade variável. Dai o analema ter a forma de um 8. A dar-se o caso de a a órbita da Terra ser completamente circular, a velocidade seria constante, e o analema seria um simples e tristonho ponto.

A imagem foi composta a partir de de várias fotografias tiradas entre 2005 e 2006 na Turquia, com o bónus de ter um eclipse total do Sol numa delas. Fonte: Astronomy Picture of the Day.

Segundo: O calhau que vai passar rés-vés Campo de Ourique

Dia 13 de Abril de 2029 baixe a cabeça porque pode apanhar com uma valente pedrada proveniente do espaço sideral. Chegou a pensar-se que o dito calhau, de nome Apophis, tinha 2 por cento de hipóteses de atingir a Terra na véspera de Natal de 2029, o que teria a sua piada, sobretudo se caísse em cima de um presépio humano, mas afinal parece que não. Diz que as hipóteses de ele nos acertar é 1 para 250.000 e é em Abril e não em Dezembro. Seja como for, vai passar tão pertinho de nós que quase vamos poder passar-lhe a mão pelo pêlo. Resta só dizer que o calhau em questão tem cerca de 274 metros de comprimento e, extinguir-nos talvez não consiga, mas é rapazinho para fazer um buraco jeitoso.

Aqui fica uma animação computorizada de como vai ser daqui a 20 anos: Link

Fonte: Wired Science

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s