O Ataque das Fadas Maléficas

Começaram a atacar insectos. Abelhas, vespas, moscas, libelinhas, umas torturadas, outras escravizadas e o resto devoradas. Depois disso diz-se que as vis fadinhas do Apocalipse começaram a imitar algumas das tácticas dos insectos e passaram a fazer o mesmo a mamíferos e aves. Primeiro os mais pequenos e depois o maiores. Continuando assim esta escalada de violência cuja única explicação é a pura maldade, nem nós, seres humanos de pleno direito e Senhores do Mundo, duraremos muito tempo.

Tenha calma, caro leitor. Pouse essa lata de Dum-Dum, por favor. Esta história só é real na cabeça de uma rapariga chamada Tessa Farmer e começou há muito tempo, quando na escola de belas-artes lhe pediram para desenhar um cadáver. Arrepiou-se com premissa, mas depois deixou-se fascinar pela decadente beleza de um cadáver em decomposição. Construiu a primeira miniatura, depois a segunda, tirou umas fotografias e a história ganhou vida própria. Curiosamente só depois disto é que arranjou uma lupa. Agora a história da Guerra das Fadas Maléficas já vai em 6 capítulos, em que um deles se conta como o bando de criaturinhas dos infernos capturou um ouriço e depois o converteram num parque de diversões. Só visto. Link.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s