Porque domingo é dia de calhaus

Achei este exemplar de Wulfenite e Mimetite demasiado interessante para constar apenas da loja do Kevin Ward. Uma vez que não tenho os 485 dólares necessários – caramba, é praticamente oferecida – para a sua compra, e já que o aspecto aqui da tabanca está mais agradável, pensei em trazê-la para efeitos meramente decorativos. Mas sabe, caro leitor, é difícil jogar imagens de calhaus destes na sua cara sem um mínimo de explicações sobre o que está a ver. Portantos, aqui vai:

Ao contrário do que lhe possa parecer, não está a olhar para caramelos engenhosamente colados a líquenes mais férteis em algas do que em fungos, nem para uma estranha salada gourmet saída de um sonho molhado do Sá Pessoa, mas sim para cubos de Wulfenite, conhecido nalguns círculos mais restritos como molibdenato  – ou molibdato – de chumbo, muito bem acompanhados por glóbulos de Mimetite verdusca. Pronto, vê? Não se sente muito mais esclarecido? Pode clicar na imagem para ver melhor, claro.

2 pensamentos sobre “Porque domingo é dia de calhaus

  1. Parece sim senhora, mesmo contando com o elevado toque de canela na parte centro-inferior. Mas, apesar de serem dois minerais relativamente molinhos, poderão tornar-se um pesadelo para qualquer dentinho mais afoito, para não falar do elevado teor de chumbo, só ultrapassado pelas couves que crescem nas margens do Trancão, ou pelos famigerados Tomates Cereja Mutantes de Chernobyl.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s