De pé vitimas da fome… Menos o Liu, vá.

O Partido Comunista Português lamenta a atribuição do Nobel da Paz a Liu Xiaobo, um dos grandes de Tianammen. O PCP lamenta esta situação mas não por Liu ser um activista de braço constantemente levantado contra o governo chinês (é um reaça, o gajo). Não senhor. O PCP lamenta que se tenha atribuído um prémio daquele gabarito àquele individuo por motivos de “pressões económicas e políticas dos EUA à República Popular da China“.

Talvez não seja demais relembrar que os Estados Unidos da América estão tão atados ao carcanhol chinês que se Hu Jintao quisesse que Obama dançasse o hula-hula todo nu, este não teria outro remédio.

Convém também lembrar que no manifesto ideológico do PCP vem bem explícito que o Partido – o maior entre os maiores – se solidariza com a luta de todos os povos oprimidos contra os opressores (sim, bem sei que cheira aqui um bocadinho a esquizofrenia ideológica, mas não fui eu, juro).

Não sou analista político, deus me livre, prefiro ir trabalhar para dois call centers ao mesmo tempo, mas dá para ver daqui que a política internacional do PCP tem parecenças com o efeito de vários tiros nos pés.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s