Eles andem aí e querem a nossa chicha

Estreou ontem na Fox a série The Walking Dead, sacada alarvemente – e bem – da Banda Desenhada com o mesmo nome. A premissa é simples e nada inovadora: a Humanidade anda à rasca por causa de uma virose que transforma homens feitos em criaturas hediondas sedentas de sangue, se bem que algo lentas. Mulheres e rabetas não estão imunes portanto parem lá com os risinhos de regozijo. O ínicio do primeiro episódio é ainda menos inovador: um tipo acorda num hospital deserto e lá vai ele descobrir da pior maneira o que se passou durante o tempo em que esteve em coma. Nada de novo, portanto. A não ser o tempo.

O tempo que uma série tem para desenvolver certos assuntos dentro da história não se pode nunca comparar ao tempo disponível numa longa metragem, seja ela o Ben-Hur ou o Senhor dos Anéis. E em The Walking Dead há tempo de sobra. Finalmente, no meio de uma história de zombies, podemos admirar a beleza das  paisagens urbanas completamente vazias (ver poster) e pensar mesmo “caramba, tanto betão para quê?”, “olha-me aquele Ferrari que não tem ninguém para o conduzir” e por aí. Somos de facto atirados para o meio de um apocalipse, para o meio de um deserto, em vez de andarmos a fugir que nem loucos a disparar em todo o morto-vivo que apareça. Em The Walking Dead há tempo para perceber que os mortos-vivos já foram vivos, já foram pais, mães e filhos de alguém e que algo terrível lhes aconteceu. Um tiro na cabeça, em The Walking Dead, não é um mecanismo de defesa, é um gesto de misericórdia. Percebe o que quero dizer?

Resumindo, gostei do primeiro episódio e espero não estar a levantar demasiado as expectativas. The Walking Dead é um filme de zombies em ponto grande e em bom. É a estória de zombies mais verosímil que pode haver partindo da preposição “e se…”.

Na Fox, às terças, 21.30. Menos uma nos Açores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s